4 cuidados para preservar a saúde ocular infantil | ISO Olhos – www.isoolhos.com.br
4 cuidados para preservar a saúde ocular infantil
Blog ISO Olhos

4 cuidados para preservar a saúde ocular infantil

Além dos cuidados como acompanhamento com oftalmologista rotineiro, é preciso ampliar a atenção à saúde ocular infantil. Evitar fatores ou situações que podem ferir, de algum modo, os olhos das crianças pode ser o caminho para prevenir diversas doenças. Conheça alguns desses cuidados e coloque em prática com filhos agora mesmo!

Oriente as brincadeiras e evite peças pontiagudas

Crianças são curiosas e ativas. Nem fazem ideia do que essas duas características unidas com um momento de distração dos adultos podem fazer.

É muito comum pais desesperados chegarem aos centros de atendimento de saúde ocular infantilpor conta de algum objeto que caiu ou que foi colocado pela criança nos olhos. É preciso tomar cuidado com brinquedos que possuam alguma peça pontiaguda, brincadeiras com objetivos desafiadores ou que exerçam alguma força ou violência em direção aos olhos. Em um jogo ou até mesmo uma distração a criança pode ficar cega. É papel dos pais e da família orientar e explicar às crianças o que pode ocorrer caso se exponham a esses perigos.

Não deixe à vista produtos nocivos à saúde ocular infantil

Além de objetos cortantes ou brincadeiras bruscas, é preciso também estar sempre em vigilância com as crianças. Muito curiosas, elas podem ter acesso à produtos de limpeza ou qualquer outro líquido. Uma vez nas mãos, o caminho para os olhos é questão de segundos.

saúde ocular infantil, assim como todo o sistema imunológico das crianças, está ainda em formação. Enquanto um adulto pode suportar por algum tempo a espuma do sabonete do banho nos olhos e, no máximo, ter uma vermelhidão e uma leve ardência depois, para as crianças esse leve contato pode ser a porta de entrada para infecções ou até lesões.

Fique atento aos hábitos de seus filhos

Observar as características de comportamento de seus filhos pode ser a chave para identificar problemas com a saúde ocular infantil. Uma criança que coça os olhos com frequência pode ter um problema de lubrificação e está mais sujeito a desenvolver ceratocone. O queixar de dor nos olhos pode indicar que chegou a hora de usar óculos. Desvio, falta de paralelismo, dificuldade de se expor à luz, pupilas borradas em fotografia podem indicar problemas um pouco mais sérios. Além da observação constante dos diversos aspectos, é preciso criar uma rotina de exames períodos para se preservar a saúde ocular infantil.

Crie regras para o uso de eletroeletrônicos

Ficar exposto por longas horas em frente ao computador ou à televisão é prejudicial para todos. Para as crianças, as luzes e a secura dos olhos são dois vilões da boa saúde ocular infantil. Limitar o uso impondo uma cota de horas por dia do uso desses equipamentos, que incluem os celulares e videogames, podem fazer com que seus filhos tenham menos chances de desenvolver problemas como síndrome do olho seco ou diversos outros desconfortos. As crianças que ficam muitas horas em frente a telas também estão mais sujeitas a apresentar os sintomas da miopia mais rapidamente.

Todas essas dicas, no entanto, não substituem o cuidado do médico oftalmologista, que consegue mapear e identificar as necessidades de cada criança especificamente. Além criar o hábito de observar todos esses aspectos, é fundamental que as crianças tenham em sua rotina o hábito de consultar o oftalmologista para garantir a boa saúde ocular infantil.

Deixe seu Comentário

Leia também

Tremor nos olhos

Tremor nos olhos

O tremor nos olhos, como as pessoas co..

Dr. Mario Carvalho palestra em Congresso de Oftalmologia da USP

Dr. Mario Carvalho p ...

Oftalmologista do ISO Olhos é destaque ..

Dezembro laranja: cuidados com a região dos olhos

Dezembro laranja: cu ...

Dezembro laranja: Campanha Nacional de ..